Saúde em Ação Menu

Linhas de Cuidado

Volume 3 - Acompanhamento da Criança

Apresentação

A cada ano, cerca de 600 mil nascimentos são registrados no Estado de São Paulo. Para que tenham os seus direitos garantidos, conforme previsto pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (lei nº 8069/1990), é preciso que essas crianças sejam consideradas prioridade absoluta em relação às políticas de saúde.

O Manual de Acompanhamento da Criança é um material complementar às ações de implantação da Linha de Cuidado da Saúde da Criança, visando a modernização e fortalecimento do atendimento primário e com envolvimento das unidades da rede publica de saúde em diferentes regiões do Estado.

Trata-se de uma estratégia de ação que busca a integralidade da atenção, um dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), ao articular a produção do cuidado desde os primeiros atendimentos aos serviços de maior complexidade, no contexto de consolidação das Redes de Atenção à Saúde. Além da articulação entre os diferentes níveis de serviços em saúde, também é fundamental, para a garantia dos direitos das crianças, promover o alinhamento entre outros setores.

A Linha de Cuidado da Criança é direcionada especificamente para a Primeira Infância, pois, conforme comprovado por estudos científicos, os primeiros anos de vida dos seres humanos são fundamentais para estabelecer os alicerces de suas aquisições futuras. Pesquisas revelam que um bebê estabelece, em média, 700 conexões cerebrais por segundo, chegando a ter, aos 12 meses, o dobro de conexões de uma pessoa adulta. Porém, este desenvolvimento pode não ocorrer plenamente caso essas conexões não forem utilizadas e estimuladas em seu período mais apropriado.

Os investimentos na Primeira Infância, especialmente nos primeiros três anos de vida, possibilitam a criação de sociedades mais harmônicas, acolhedoras e menos desiguais. Dessa forma, é nosso dever oferecer a todas as crianças a nutrição adequada, ambientes físicos seguros e relacionamentos estáveis e responsivos, pois os mesmos resultam em benefícios permanentes para a aprendizagem, o comportamento e para a saúde física e mental.

Apesar dos avanços no SUS, existem desafios que devem ser enfrentados por impactarem diretamente na saúde das crianças. Este conteúdo foi elaborado como forma de apoiar e superar essas dificuldades, por meio de um conjunto de ações, procedimentos e reorganização dos processos de trabalho com foco na criança. Esperamos que a Linha de Cuidado se torne um instrumento efetivo para o alcance da atenção integral à saúde e do pleno desenvolvimento das crianças paulistas. O sucesso, porém, depende de cada um de nós, gestores, profissionais de saúde, familiares e sociedade.



topo